terça-feira, 7 de março de 2017

Salário de jogador de futebol: uma afronta ao trabalhador brasileiro.

Veja quais são os maiores salários do futebol brasileiro.
  
No início deste ano, a CBF divulgou em seu site oficial um balanço com os salários dos atletas profissionais no país. Entre os dados, o fato de 82% dos atletas ganharem até R$ 1.000 chamou a atenção, assim como o fato de apenas um jogador receber mais de R$ 500 mil.
 
Crédito da foto: Bruno Cantini/CAM
 
Mesmo sem poder cravar, tudo indica que Pato era este jogador. De lá para cá, Fred trocou de clube, Robinho voltou ao país e o euro subiu muito. Com base nos valores publicados pela imprensa brasileira nas negociações de transferências ou renovação de contratos, elaboramos um ranking com os maiores salários do futebol brasileiro.
 
O mais bem pago do Brasil é Robinho, com salário de R$ 660 mil, sendo R$ 330 mil pagos pelo clube e o restante com a ajuda de parceiros, mais participação em vendas de camisas e metas. Na China, o atacante ganhava R$ 3,4 milhões por mês.
 
Em segundo lugar na lista aparece o peruano Guerrero, com salário de R$ 650 mil, mas os valores podem atingir os R$ 900 mil se as metas forem atingidas.
 
O Flamengo, aliás, tem ainda dois dos maiores salários do futebol brasileiro. Recém-contratado, Diego recebe R$ 600 mil por mês, mas pode subir para até R$ 715 mil caso atinja metas. Outro reforço caro é Leandro Damião, com bases salariais em torno de R$ 460 mil, sendo que os cariocas pagam R$ 300 mil.
 
 
Crédito: Robinho recebe R$ 660 mil - Crédito da foto: Bruno Cantini/CAM
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário