quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Gatos do Brasil

 Conheça as 8 espécies de felinos neotropicais.

 
          As espécies de felinos silvestres chegam ao nº de 40 e são encontrados em várias regiões. Podendo ser encontrados nas florestas, regiões altas, frias e até nas áreas desérticas.
 
O comportamento social dos felinos silvestres é variado, a grande maioria das espécies é solitária, outras que vivem em grupo. O sistema de caça pode variar entre ativos caçadores, perseguindo a presa até captura-la, e caçadores de espreita que preferem esperar pacientemente a aproximação da presa. Algumas espécies utilizam dos dois sistema de caça, escolhendo aquele que melhor ao momento.
 
         No Brasil os felinos são de hábitos solitários e predominantemente noturnos que, associado ao comprometimento da população em vida livre devido a perda do habitat natural, faz com que as 8 espécies existentes sejam poucas conhecidas por nós. As espécies de felinos do Brasil podem ser divididas no grupo Maracajá, Puma e Pantera.
 
Os Gatos do Brasil
 
         As oito espécies de felinos do Brasil estão na categoria Vulnerável no status de ameaça de extinção. A grande maioria apresenta um padrão de manchas que formam as rosetas sobre uma coloração amarelo claro ao castanho amarelado. Bem como a grande maioria apresenta um comportamento predominantemente noturno e hábito solitário.
 
-  Jaguatirica - Leopardus pardalis: encontrado em todo o Brasil com exceção do sul do Rio Grande do Sul, vive no cerrado, caatinga, pantanal e principalmente nas florestas. Necessita de até 38 km² de área para viver. Considerado de porte médio, pode chegar até 1m.
 

Jaguatirica
 
 - Gato MaracajáLeopardus wiedii: encontrado nas florestas de todo o Brasil, inclusive nas matas do cerrado. Adaptado à vida arbórea, locomovendo-se facilmente nas árvores. Necessita de uma área de até 15,9km² para viver. Diferente da jaguatirica por possuir tamanho menor (até 60 cm), olhos grandes, focinho saliente, patas grandes e cauda bastante comprida.
 

Gato Maracajá
 
 - Gato do Mato Pequeno Leopardus tigrinus: é a menor espécie de felino do Brasil, de porte semelhante ao gato doméstico, podendo chegar até 50 cm de comprimento. É encontrado em todo o Brasil até o norte do Rio Grande do Sul na áreas de florestas, cerrado, caatinga e em proximidades as áreas agrícolas próximas as matas. Pode ter comportamento diurno em algumas áreas; para viver precisa de área de até 17,4 km².
 

Gato do Mato Pequeno
 
- Gato do Mato GrandeLeopardus geoffroy:  também de tamanho pequeno, podendo chegar a 65 cm. Difere das outras espécies por apresentar um padrão de manchas diferente, que não formam rosetas. Só é encontrado no sul do Rio Grande do Sul, necessitando de uma área de até 12,4 km² para viver.
 

Gato do Mato Grande
 
 - Gato PalheiroLeopardus colocolo: espécie com aparência semelhante ao gato doméstico, com pelo mais longo, cara mais larga, orelhas mais pontiagudas e cauda curta em relação aos outros felinos silvestres. Pode atingir até 60 cm de comprimento. Possuem coloração entre cinza amarelado ao marrom  avermelhado, com listras escuras e largas nas patas. Essas listras variam de duas a três nas patas dianteiras  e de três a cinco nas patas traseiras, sendo a principal característica da espécie. Sua distribuição no Brasil ainda é incerta, mas já foi encontrado no Rio Grande do Sul, partes do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, Piauí e Bahia, normalmente em áreas abertas como pampas, cerrado, pantanal e banhados.
 

Gato Palheiro
  
 - Gato MouriscoPuma yagouaroundi: de porte pequeno-médio pode chegar até 70 cm de comprimento, com cabeça pequena e alongada, orelhas pequenas e pernas curtas em relação ao corpo. Possui coloração uniforme amarronzada-negra, acinzentada ou vermelho-amarelada. É encontrado em todo o Brasil, com exceção do sul do Rio Grande do Sul, vivendo em florestas, cerrado, caatinga, pantanal, vegetação secundária, etc. Com área de vida bastante variada e de atividade predominantemente diurna.
 
   
Gato Mourisco       
        
                                                                   Gato Mourisco
 
 - SuçuaranaPuma concolor:  é a segunda maior espécie de felino do Brasil, podendo atingir 155 cm de comprimento e até 70 kg. De coloração uniforme marrom cinzentado e marrom avermelhado. Encontrado em todo o Brasil, habitando os mais variados ambientes, precisando de uma área de até 155 km².
 

Suçuarana
 
 - Onça PintadaPanthera onca: é o maior felino do continente americano. Com corpo robusto, compacto e musculoso podendo atingir até 170 cm de comprimento. Originariamente encontrada em todo o Brasil, hoje está restrita a região norte, parte do Pantanal e algumas regiões isoladas do sudeste e sul. Habitando áreas de vegetação densa, com suprimento de água abundante.
 

Onça Pintada
 
            As espécies Gato do Mato Pequeno, Gato do Mato Grande, Gato Mourisco e Onça Pintada podem apresentar indivíduos melânicos, ou seja, de pelagem preta:
 
 
   
 
Fotos: http://www.biolib.cz
Para saber mais acesse na Ecoloja o Guia de Campo dos Felinos do Brasil
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário