segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Eduardo Campos é enterrado no Recife sob clima de forte comoção

 
Sob clima de forte comoção, familiares, amigos e milhares de admiradores acompanharam o enterro de Eduardo Campos, às 18h35 deste domingo (17/8). O candidato do PSB à Presidência da República foi sepultado no jazigo da família, no Cemitério de Santo Amaro, em um túmulo vizinho ao do avô, Miguel Arraes, também ex-governador de Pernambuco. Ao longo do dia, mais de 160 mil pessoas participaram das diversas cerimônias fúnebres no Recife.

O corpo de Campos foi levado ao cemitério em um carro do Corpo de Bombeiros. Em cima do veículo, além de familiares, estava a nova candidata do PSB à presidência, Marina Silva. Uma multidão acompanhou o trajeto até o cemitério, saindo do Palácio Campo das Princesas, sede do governo estadual, onde foi realizado o velório, e o cemitério.
 
 

Já no cemitério, algumas pessoas, inclusive os filhos de Campos, usaram chapéus de palha, marca do governo Arraes em Pernambuco. Pouco antes do sepultamento as pessoas entoaram o grito de "Eduardo, guerreiro, do povo brasileiro" e palavras de ordem do Partido Socialista Brasileiro (PSB).

Nenhum comentário:

Postar um comentário