sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

O Cruzeiro está #FechadoComOTinga

Da Redação

Gustavo Aleixo

O Cruzeiro Esporte Clube é grande não apenas pela sua Torcida e pelos seus títulos conquistados, mas também pela sua batalha contra as mais diversas mazelas que contrariam a ética esportiva e social, dentro e fora do futebol.

Por isso, mais uma vez o Clube celeste se movimenta e repudia totalmente os atos de racismo protagonizados pela torcida peruana, contra o volante Tinga, no confronto contra o Real Garcilaso, pela Copa Libertadores, realizado nesta quarta-feira. O Cruzeiro está #FechadoComOTinga.

Companheiros de Tinga na Raposa utilizaram as redes sociais para mostrar também o seu apoio ao jogador e para criticar os fatos ocorridos em Huancayo.

“Triste pelo que aconteceu com Tinga. Racismo é algo que não pode acontecer mais no futebol ou em qualquer outro lugar. #FechadoComOTinga” , afirmou o volante Nilton.

“Lamentáveis as coisas que aconteceram aqui no Peru!! Estádio sem condições de jogo, segurança zero, racismo... Já sofri esse tipo de preconceito na Europa e sei como é triste. Será que a Conmebol se pronuncia?”, disse o meia Júlio Baptista.
 
                                                             Denilton Dias/VipComm

“Revoltado com essa parada. (...) Estou revoltado com o que aconteceu aqui hoje no Peru. Cambada de racistas. Deus nos fez todos iguais”, salientou o Mito Dedé.

“Ganhar ou perder faz parte do futebol. Racismo não! Que vergonha!”, declarou o centroavante Marcelo Moreno.

“Quem estava lá, e infelizmente fui testemunha, sabe o quanto foi triste o que fizeram com o Tinga no Peru. Ontem foi com ele, amanhã pode ser com outro e assim vai... Já passou da hora de isso acabar no futebol ou em qualquer outro lugar. Racismo não!!!#FechadoComOTinga”, comentou o armador Ricardo Goulart.

O meia Alex, campeão da tríplice coroa pelo Maior de Minas em 2003, também manifestou o seu repúdio nas redes sociais quanto ao ato de racismo sofrido por Tinga.

“Estou nessa com você Tinga! O que vi hoje foi um dos maiores absurdos que já vi em um campo de futebol. As pessoas responsáveis pela Conmebol devem tomar uma atitude o mais rápido possível”, comentou o ídolo estrelado.

 
Confira outras manifestações de apoio ao volante cinco estrelas Tinga no Twitter:

Ramires: Um absurdo que nos dias de hoje ainda tenhamos que presenciar manifestações racistas como a de ontem envolvendo o Tinga. Uma pena também que geralmente prevalece a impunidade em relação aos autores desses atos. O que me conforta e me faz simplesmente desprezar essas "pessoas" é ter a certeza de que o que faz um homem ter valor não é o que ele tem, muito menos sua cor, mas sim o seu caráter!

Neymar: #TAMOJUNTOTINGA

Ronaldo Fenômeno: #FechadoComOTinga

Alexandre Pato: #FechadoComOTinga. Voce é ídolo parceiro! Não merece isso! Estamos juntos!!

Paulinho: É deprimente que em pleno século 21, uma pessoa ser descriminada por sua cor de pele, ao invés de seu caráter.#FechadoComTinga

Ronaldinho Gaúcho: Muito triste pelo que aconteceu com meu parceiro @PauloCesarTinga na Libertadores. Incrível como isso ainda existe no futebol

Dante:  No to Racism! #FechadoComoTinga

David Luiz: Todos nós somos iguais aos olhos de Deus! #fechadocomoTinga #somosiguais #noracism

Roberto Carlos, ex-jogador e técnico do Sivasspor, da Turquia: Triste pelo que aconteceu com o Tinga. Já vivi isso na pele. É vergonhoso que aconteça ainda casos assim no futebol. Que a Conmebol ou a Fifa tomem atitudes sérias em relação a isso. Já basta isso no esporte. Ou até mesmo na comunidade.

 

http://www.cruzeiro.com.br/index.php?section=conteudo&id=4102

Nenhum comentário:

Postar um comentário