quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Convido a todos, sua presença é indispensável.


Décio Marcio Majela Abreu, natural de Belo Horizonte. Passou sua infância no bairro Piedade na Rua Marcilio Dias numero 19, em Sete Lagoas. Iniciou seus estudos no Jardim Milton Campos, passando pelas escolas Artur Bernardes, Marcio Paulino, Sinhá Andrade e Estadual onde se formou em Contabilidade. Foi militante estudantil na década de 80 sendo vice-presidente da União Colegial em 1984. Participou do grupo de jovens JUSLAGOS da Catedral de Santo Antônio. Participou ainda de vários movimentos da Igreja Católica, sendo um deles a Pastoral da Juventude. Entrou para o seminário católico em 1987 na diocese de Sete Lagoas-MG indo depois para Mariana para iniciar os estudos filosóficos, em seguida voltou a Belo Horizonte onde terminou seus estudos filosóficos e teológicos na PUC-MG. Ordenou-se Sacerdote Católico em 09 de março de 1986 na Catedral de Santo Antônio em Sete Lagoas MG. Atualmente pertence à Diocese de Paracatu MG e reside em Sete Lagoas, no bairro Vapabuçu, na Rua Bacaris, 103.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Imagens da vida marinha do Sudeste brasileiro

11/12/2012 Redação Época


Mesmo sem ser tão famoso quanto Fernando de Noronha ou Abrolhos, o fundo do mar no litoral do Sudeste do Brasil também tem suas belezas. Para quem não tem oportunidade de praticar mergulho, as imagens deste post mostram um pouquinho da beleza e riqueza da região.

Essas fotos foram feitas no litoral de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Santa Catarina. Elas fazem parte do livro “Naufrágios e Pontos de Mergulho” (Editora Cultura SUb, 208 página, R$ 80), com texto de José Truda Palazzo Jr. e imagens dos fotógrafos Ivan Cavas, Álvaro Velloso, Luiz Fernando Serra Pinto Cassino, Edson Laerson Barbosa Acioli, João Paulo Cauduro Filho, Leo Francini, Mauricio Andrade, Savio Araújo e Daniel Botelho.
 
 
 


A beleza dessas imagens também ajuda a lembrar o quanto esses ambientes são frágeis. Já mostramos aqui como estamos transformando os oceanos em esgotos, e o aquecimento do planeta está causando sério dano a vida marinha, inclusive na costa brasileira.
http://colunas.revistaepoca.globo.com/planeta/2012/12/11/imagens-da-vida-marinha-do-sudeste-brasileiro/
 

domingo, 9 de dezembro de 2012

Sacerdote Católico, Padre Décio Marcio e Bispo Diocesano Dom Guilherme se encontram como Igreja e como Irmãos.


Aconteceu na manha desta quarta feira (14/11) no Paço Episcopal o encontro do Bispo da Diocese de Sete Lagoas Dom Guilherme Porto e do Padre Décio Márcio. Foi um encontro tranquilo e sereno onde foram resolvidos assuntos de interesse comum. Isto vem mostrar que algumas informações divulgadas pela cidade de que existe uma divergência entre Dom Guilherme Porto e o Padre Décio Márcio não passam de intrigas.  Este reencontro, após dois anos, é de grande importância não só para a Igreja Católica, mas também para o povo setelagoano.

De acordo com o Padre Décio, foi uma reunião tranquila, ficou claro que como igreja católica o Bispo e o Padre possuem um objetivo em comum “Jesus Cristo, razão da nossa fé e de nosso testemunho Cristão, somos seguidores de Jesus Cristo e sabemos que a fé sem obras é morta, é no amor e na misericórdia que testemunhamos nossa fé em Cristo Jesus Ressuscitado”. Mesmo não pertencendo à diocese de Sete Lagoas, pois a mesma não quis renovar o “Uso de Ordens” do Padre Décio na Diocese, nada impede que eles possam caminhar como Igreja, destaca Padre Décio.

Para o Bispo Diocesano, Dom Guilherme Porto, não existe nada de verdade com relação aos comentários existentes de forma maldosa sobre o Padre Décio. Muitas vezes estes comentários são usados como se fosse o Bispo que os estivesse fazendo. “Em momento algum a Igreja tentou atrapalhar as decisões tomadas por Padre Décio, pois o mesmo não pertence à Diocese de Sete Lagoas. Este reencontro serviu para restabelecer a grande relação de respeito que temos um pelo outro, mesmo ele não pertencendo a nossa Diocese de Sete Lagoas. Houve falhas e erros no passado que devemos superar no amor a Cristo e à Igreja.”

Segundo Padre Décio, é na unidade, no amor e na misericórdia que construiremos uma sociedade mais justa e fraterna. A busca da justiça é uma virtude cristã que permeia o coração da humanidade e que fortalece os seres humanos (homem e mulher) para juntos construírem a tão sonhada sociedade nova e restaurada sonhada por todos nós. E se nós, os seguidores de Jesus, não colocarmos em pratica os ensinamentos deste mesmo Jesus, nosso testemunho não é valido e vã é a nossa fé.
 
Fonte: Jornal Sete Dias, Jornal A Tribuna.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Sete Lagoas, 145 anos a pleno vapor

   Neste mês de novembro nossa querida Sete Lagoas completou 145 anos(dia 24), cidade de porte médio situada na região central do estado de Minas Gerais, tendo uma beleza natural ao seu redor, a Linda Serra de Santa Helena , outrora propriedade de outro município, e tivemos ai uma luta de um saudoso médico e político, além de desportista, caridoso e eficiente médico desta cidade, Dr Márcio Paulino que exercendo a função de deputado estadual lutou juntamente com outras lideranças e conseguiram anexar a Serra de Santa Helena ao nosso município, chegamos nesta idade com maturidade, mas sem deixar de lado as alegrias e a ousadia que fazem parte de um crescimento e que a tornam num lugar bom de se viver.
    Sete lagoas, uma cidade promissora que começa a sobressair no cenário nacional tem sido objeto de comentários da grande imprensa nacional, completamos a bem da verdade doze dúzias de anos mais um, mas é um espetáculo assistir o progresso chegar cada vez mais e de maneira alvissareiro e promissor, principalmente aos jovens, diferente de minha época da juventude quando tínhamos que sair (nos anos 60) atraz de um trabalho, que bom ver isto, temos sido manchete nos principais jornais e revistas deste país, já tivemos times de futebol consagrados no estado, Democrata e Bela Vista, que desafiou a lógica indo numa época de ouro de nosso futebol (1958) enfrentar os grandes times europeus, foi a primeira equipe a ter jogadores brasileiros pisando no manto sagrado do Estádio Santiago Bernabeu,de propriedade do Real Madrid, Edésio, um dos remanescentes daquela equipe ainda está por ai a contar a epopéia, tantos jogadores foram formados em nossa cidade,Vaguinho, Careca, João Carlos,Caixinha, Tiê, o espetacular Genuíno e dezenas de outros, tínhamos nossos saudosos campos de várzeas, Cutuba, América, Boa Vista, Gamela, que eram celeiros de craques mas que a especulação imobiliária e a necessidade dos jovens entrarem no mercado de trabalho fizeram desaparecer, hoje os atletas são formados em laboratórios por algumas equipes, são jogadores robotizados, diferentes dos antigos que eram craques na acepção da palavra, muita das vezes sem preparo físico mas de uma categoria inesquecível, sempre tivemos times tradicionais amadores Textil, América, Ideal,Vasquinho, entre outros, temos um clube social que é orgulho da cidade,Clube Náutico, cada ano mais modernizado e funcional, temos aproximadamente 230mil habitantes desfrutando de uma qualidade de vida que so a temos devido ao trabalho e luta de inúmeras pessoas que ao longo destes anos souberam angariar esforços e ações para tornar esta realidade, muita coisa ainda precisa ser feita,agora mesmo teremos um prefeito de porte, um político de primeira que renova as esperanças da população, como a troca de nossa fonte de água potável, que está em andamento e esperamos por ela.
   Temos hoje em nosso município grandes indústrias e empresas tanto nacionais como multinacionais, outras em processo de chegada que trarão mais e mais , podemos nos orgulhar de termos um estádio moderno e conhecidíssimo, Arena do Jacaré, temos aqui o Huracan, equipe de futebol de salão vitoriosa nos anos 80 por este Brasil afora, time de Paulinho Tenáz, Caróba ,Tomaz entre tantos outros bons de bola e abnegados, tivemos atletas em várias atividades desportivas de atletismo, maratonistas, Frank Caldeira, Esmeralda de Jesus, João da Mata entre outros. Somos a Sete lagoas do saudoso Dr Márcio Paulino, médico, desportista, médico caridoso sempre ao dispor dos menos favorecidos, políticos como Wilson Tanure, Alberto de Moura, Renato Azeredo,Cel Augusto de Moura, Cel Altino França,deputado Marcio Reinaldo, João Herculino, prefeito mais novo de nossa história, parlamentar batalhador em pról da cidade por décadas, terra do Bairro do Pito, do Garimpo,da Central do Brasil gerando milhares de emprêgos e dando suporte financeiro ao município, terra do Teatro Redenção a pleno vapor em tempos idos, terra que ajudou a montar a capital Brasília, ainda hoje é o município de onde mais gente levou para Brasília ,terra dos professôres Hélio Diniz Peixoto, Abeylard, Sheriff, Aristides da Costa Camargos, Dr Nemésio , Clotilde de Avellar, Inspetor Antonio da Costa, Cândido Azeredo , Marcos Barbosa, Edimar, Eremita de Oliveira, Galvão, Emanoel, Hugo, Marciano Tão, Maria Amâncio, Maria Auxiliadora, Rousset, Alfredo Valadares, Álvaro da Costa, Prof Olímpio, Godói, Vicente, Vó Fina, Dona Isa e Estela Figueiredo,prof Fernandino Junior, Orlando Rodrigues, D Cléa Lanza Machado, entre tantos outros abnegados distribuidores de cultura ao nosso povo.
   Pessoas da estirpe de Alípio Maciel, Otoni Alves Costa, Rodolfo Campolina Marques, Dr Juvenal Abreu Paiva, abnegados que, com maestria estiveram presentes em todas atividades econômicas e políticas criando mecanismos evolutivos para o bem desta comunidade, Dr Afrãnio Avelar Marques Ferreira, vereador, prefeito duas vezes, secretário, outras tantas, conseguiu entrar e sair da política honradamente, listar aqui todas suas obras e benfeitorias desta cidade nos levaria a um livro enorme, seu lema era sempre "Desejar o bem aos outros, pois isto te faz muito mais feliz" Sete Lagoas de Monsenhores Roque, Damato , Ercílio , Messias, Raimundo e Daniel, Padres, Fernando, Pancrácio, Mutti, Humberto, Paulo, Cõnego Raimundo, e ainda muitos outros fervorosos e formadores de opinião religiosa tão necessária ao povo desta comunidade. Sete lagoas da família Ferrari, entusiasta na arte cinematrogáfica, cinemas ativos , Rivello, Meridiano, Trianon, do maestro João Lucas com seu nacionalmente conhecido coral Don Silvério, embelezador de nossa cultura, ainda hoje temos pessoas como Marisa da Conceição Pereira, enstusiasta, dedicada e apaixonada na área cultural, sempre presente e ativa, aliada ao sua outra paixão. madrinha dos Expedicionários Setelagoanos(Praçinhas) os que lutaram na segunda guerra mundial que viveram e ainda estão vivos, nossos Heróis de Guerra, ela cuida deles com carinho e dedicação levando-os onde podem em solenidades na cidade, nunca esqueçendo do nosso herói Clodovino Madalena, morto em combate durante a segunda guerra mundial, numa Batalha gigantesca onde ceifou a vida de 60 milhões de sêres humanos, todos em luta pela manutenção da democracia no mundo,não esqueçamos nossos banqueiros Bernardo Alves Costa, Múcio Alves Costa, terra de Zacarias, que tantas alegrias deu ao povo brasileiro, filho de Mariano Gonçalves que era comerciante atuante na rua Pedro Luiz, do saudoso Nhô Quim, coletor de impostos, promotor de justiça, desportista apaixonado pelo Democrata, jornalista, teatrólogo e historiador, terra de dona Chiquinha Avelar, Chiquito Cota, vicentino, incentivador e fundador da SSVP, asilo e comerciante atuante na cidade, senhor Euro de Andrade, colaborador emérito em várias doações para benfeitorias da cidade, Dr Hermínio, Blair, Juvenal Paiva, Juvenal Machado de Barros, advogado e incentivador de seus familiares a se encaminharem ao doutorado, temos uma terra saudável e alegre, pessoas saudáveis como Jacy Gonçalves Luiz Dagoberto, Dr Afonsinho, Isauro Machado e Jair, dentistas, João França da farmácia, terra do antigo Tiro de Guerra, TG, orgão militar formador de caráter dos jovens setelagoanos para a vida, do saudoso sargento Carlos, Waltoff, Penoni, terra de Emilio de Vasconcelos Costa e seus descendentes sempre atuantes na política, do bairro do Papavento da família MARAMBAIA ,inesquecíveis, Divino, Esmeralda e sêu Chico, incentivadores do carnaval nesta cidade onde tinham a bandinha (Estrêla Vermelha) que alegrava nossos clubes sociais, terra de Adolfo Cota, Aleixo Lanza, Abilio Gomes, Abilio Tanure, Alexandre lanza, Alvin Fernades e Andrade Fernandes, dona Amanda de Carvalho e Anita Pereira Machado, Antonio Maciel, Randolfo Simões, Ilka frança, Avelar Pereira de Alencar, Dante Lanza, dona Judite Coelho Maciel, do senhor Paulo Moreira da Costa, do Posto Médico da Rua Antonio Olinto(CAPFESP) de Jorge Maciel, da praça de esportes em atividades diárias e organizando equipes de esportes amadoras, terra de Calil Jovelino Tanure, de nosso poeta maior Jovelino lanza, com sua célebre frase, "O que passou, não passou, ficou" terra de Jose Duarte de Paiva, Jose Felix, Jose Hilário, Jose Sérvulo Soalheiro, Jose Marçal, Pedrinho tecidos, Maria Alves Avelar e Maria Jose Guiscen, terra também de Joaquin Henrique Nogueira, doador das terras de nossa belísima Arena do Jacaré, que tem o seu nome, terra do abnegado e dedicado Joaquin Nunes Lanza, atuante na segurança e cuidados aos menores desta comarca.
   Terra alvissareira de Sêu Agapito, José Custódio, José da Rocha, Pedro Maciel Zezito Filizzola Xavier Larena, Afrãnio de Melo frança, João Cândido Machado, Geraldo Mariano, Joãozinho Bastos,Pedro da padaria,seu Américo e Mário da farmácia, dona Didi,Joaquin Manoel Pereira, o DRAPA, levando cimento aos comerciantes, Jose Tolentino que descia pela cidade montado em seus cavalos bem arriados com metais reluzentes, terra de vicentinos zelosos e dedicados da sociedade São Vicente de Paulo, José Araújo,o Juca, entre outros, da banda de música da rua Dr Chassim, Sete Lagoas que dispõe de uma Vila Vicentina sempre pronta a dar uma sobrevida e alento aos necessitados mais idosos, muitos deles sem família a lhes dar um suporte, do nosso tão precioso Hospital Nossa Senhora das Graças, todo remodelado e funcional, Hospital Municipal dando socorro ao primeiro atendimento a nós e diversas cidades vizinhas que aqui são trazidos. Cidade dos Lagos encantados, decantados, com a Lagoa Paulino no centro da cidade com sua beleza espetacular, querem mais ainda......................
 
 
 
Julio Jose de Melo-Rua Claudia 291 Sete Lagoas MG 127410320-31-37766918. Militar Reformado