sábado, 29 de janeiro de 2011

Sete Lagoas, Parabéns pelos 143 anos.

Aniversário é sempre tempo de alegria, de paz e felicidades. No nosso caso de setelagoanos, não tem sido bem assim. Herdamos uma Sete Lagoas agonizante como nosso querido Planeta Azul, que sofre e sangra a ganancia de homens e de mulheres sem escrúpulos e sedentos de poder, prazer e ter. Córrego do Diogo e do Matadouro, poluídos e servindo de esgotos para as fezes e detritos setelagoanos que são transferidos para as cidades vizinhas e poluem ainda mais nosso querido Rio das Velhas, cuja agua deve ser trazida para nós, setelagoanos, bebermos. Que ironia! Que as velhas e novas empresas que estão em nossa terra se preocupem com a mesma, criando formas de acabar com a poluição em Sete Lagoas. Não se vive com qualidade com este cheiro horrível de urina, ratos invadindo as casas e o velho pó que cobre nossos telhados há anos. Saneamento básico uma necessidade não só do Brasil, mas da nossa casa, Sete Lagoas. Agua  e Esgoto de qualidade para cidadãos que pagam seus impostos e cujos empregados, deputados estaduais e federais, senadores, vereadores e prefeito, nada fazem a não ser aumentar seus honorários (na calada da noite) como malfeitores de uma sociedade insana e cruel. O sonho da criação das ETES (Estações de Tratamento de Esgoto) que se esvai por entre os dedos, assim como a promessa sem fim de um Hospital Municipal que dê qualidade e dignidade aos milhares de setelagoanos que penam nos postos de saúde como gado no matadouro, esparramados nos corredores, indo para a morte sem um tratamento digno de seres humanos filhos(as), irmãos(ãs) do mesmo Deus e Pai, YHWH, Deus do Amor, da Misericórdia e da Justiça. A saúde pública agoniza, e olha que nunca tivemos tantos médicos na vereança como nos ultimos anos, para cuidar do povo ou da sua vida pessoal! Necessitamos urgentemente de uma nova estruturação dos nossos bairros, senão os problemas dos mesmos se tornarão crônicos, como os da maioria das cidades do Brasil. Há bairros cujas estruturas são tão arcaicas quanto nossos líderes políticos. Nosso povo precisa de trabalho, não só para seu sustento familiar, mas para resgatar sua dignidade de vida. Nosso transito está caótico, nossas ruas estão "ecologicamente" cobertas de matos e crateras, não se chama isso de "buracos", placas de sinalização, quando existem, estão em estado cada vez mais precário. Nosso sistema educacional deixa a desejar, enquanto muitos muinicípios do Brasil procurarm criar e dar qualidade aos mesmos, nós fechamos os nossos, elevando a máxima de que "povo sem EDUCAÇÃO e CULTURA" serve bem aos interesses eleitoreiros. É isso ai, Senhores politiqueiros, não posso chamá-los de POLÍTICOS, política é a arte de servir bem à nação ou estado, automaticamente, servir bem ao povo, coisa que nenhum político está fazendo no momento. Em seu aniversário, Sete Lagoas merece mais do que está recebendo no momento.


Queremos uma Sete Lagoas melhor.   

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Apareceu-lhes o Senhor... (Gn 18,1-33)


Alguns, sem o saberem, hospedam anjos... (Heb 13, 2)

Padre Rufus, grande Sacerdote, servo de Yhwh, nosso Deus.

Coordenado por Pe. Oscar Pilloni (Comunidade e Rádio Gospa Mira), foi realizado em Belo Horizonte nos dias 24 e 25 novembro 2010, na Paróquia Imaculada Conceição-Bairro Santa Maria,cujo pregador foi Padre Rufus, o  "Encontro para Sacerdotes". Padre Rufus Pereira exerce o ministério sacerdotal na Arquidiocese de Bombaim, India. Estudou Filosofia, Teologia e Sagrada Escritura em Roma, onde foi também ordenado em 1956. É doutorado em Teologia Bíblica. É também presidente da Associação Internacional para o Ministério de Libertação e vice-presidente da Associação Internacional de Exorcistas. Publicou numerosos artigos bíblicos e teológicos, especialmente, sobre evangelização e cura. É também diretor do Instituto Bíblico Carismático Católico. Foi recentemente integrado ao Internacional Catholic Charismatic Renewal Services (ICCRS), na capital italiana, como o responsável mundial pelo ministério de cura e libertação.Esta de parabéns o Pe. Oscar e a Comunidade Gospa Mira por este evento, a parte lastimavel e que 600 padres foram inscritos para o encontro, mas apenas 15 se fizeram presente, e olha que foi gratuito, não foi cobrado nada dos padres que participaram.



Dez anos depois, reencontrar Pe. Rufus, foi bom.


segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Reflexões para a Eternidade.

Ainda assim...

Ainda que os ares se tornem irrespiráveis,
e, nos rios, envenenados, não haja peixes...
Mesmo que o machado e as serras
façam tombar todas as florestas
e se alastrem os desertos...
Ainda que se desfaçam as geleiras
e desapareçam, no mar e na terra, vidas e mais vidas...
Ainda que os palácios estejam cheios de cínicos corruptos
e as ruas, de absortos e indiferentes...
A despeito de tudo isso,
hei de manter viva minha fé...
Minha esperança não desfalecerá.
e, aguardando o impossivel,
cantarei, ao amanhã, hinos de amor.
Pois minha fortaleza é o Senhor
e dele é o vigor que sustenta meus passos.
                                                     
                                       (Parafrase de Habacuque 3, 17-18)

Pessoal, visitem este excelente site: Via Lumina

Segue o link: http://www.vialumina.com.br/

Nele há bons links católicos: http://www.vialumina.com.br/mundo-catolico/links-catolicos

Paz para todos!

Meu blog está no ar.

Pe. Décio na Toca II ao lado da Taça de Campeão Brasileiro de 2003
Olá pessoal, meu blog está no ar - me ajudem a divulgá-lo. Um ano novo cheio de paz para todos!